08 março, 2018

Frágil? A mulher?

Oi Gatitas e Gatitos, tudo bem?

Veja só o texto que trago em homenagem ao dia da mulher.

       Mulher, quem é essa que quebra barreiras todos os dias, que se reinventa e se torna mais forte? Que permanece firma e se torna presente quando mesmo quando tudo parece conspirar contra? Quem foi que disse que a mulher não é capaz de grandes conquistas? Que supera suas dores, coloca um sorriso nos lábios e cresce cada dia mais? Sábio é Erasmo Carlos que há algum tempo canta "Dizem que a mulher é um sexo frágil mas que mentira absurda". Frágil? Qual é a fragilidade da mulher?



 Ela, mesmo sabendo de todas as batalhas que irá enfrentar, decide construir sua própria família e aí, acorda cedo, prepara o café da manhã, banha os filhos, arruma os filhos, vai deixar na escola, vai trabalhar, estuda, prepara o almoço, limpa da casa, lava, passa, faz o jantar, cuida do marido e das coisas do marido, da atenção as amigas, faz novos amigos, sofre as dores do parto, cuida do corpo, da mente e etc, e mesmo assim... segue em frente sem desanimar. Frágil, cadê a fragilidade?

E aí, gostaram? 
Deixe seus comentários.

Nos siga nas redes sociais.

Bjosssssssssssssssssssssssssss

Por Noêmia Rolim

Nenhum comentário:

Postar um comentário